Se tem uma coisa que soa como música é ouvir dos casais: “estamos lhe procurando antes que os problemas da nossa relação se compliquem ainda mais”. Este casal é muito sábio, afinal não estã esperando que as complicações do casamento se agravem ainda mais.

Ah se a realidade compreendesse somente tipo de casal ! Mas não é.

A maioria dos casais não fazem a manutenção do seu relacionamento. Pelo contrário, esses casais estão na maioria das vezes muito mais preocupados com coisas do cotidiano: ESTRESSE no trabalho, pilhas de roupas, descobrir como fazer o carro funcionar por mais um ano, ajudar as crianças com o dever de matemática, etc. A lista continua e continua. E é assim que o casamento vai se desgastando de forma lenta e constante ao longo do tempo.

Formas problemáticas de se relacionar podem começar a fazer parte do cotidiano do casal. Algo parecido com quando fortes chuvas descem uma colina e criam sulcos profundos no solo. Quando chove novamente, a água vai viajar exatamente onde os cortes se desgastaram na terra.

Comportamento e comunicação entre duas pessoas funcionam da mesma maneira. Quando há um argumento explosivo, ambas as pessoas podem se encontrar dizendo e fazendo exatamente o que disseram e fizeram antes, e nem mesmo reconhecendo a repetição de um padrão destrutivo.

E as queixas mais comuns nesste tipo de coisa são representadas por falas como:

“Eu não sei porque eu não consigo parar, sempre acabo dizendo as mesmas coisas dolorosas de antes.”
“Eu sei que se eu for embora ele vai ficar bravo, então faço de qualquer jeito. Eu não sei mais o que fazer.”

Isto é um problema.

Quando a confiança é prejudicada, quando você não tem certeza se ainda gosta do parceiro ou quando palavras que foram ditas são difíceis de esquecer, então pode ser que esteja ficando tarde demais.

O desapego começa, e você começa a imaginar um novo começo, um novo relacionamento, ao invés de tentar consertar o que está errado.

A prevenção

Mas e quanto ao casal que vem antes que esses padrões de comunicação aconteçam ?

Primeiro, elas provavelmente são pessoas que assumem sua parcela de responsabilidade pelos padrões que criaram.

Em segundo lugar, elas estão fazendo a manutenção do casamento. Elas percebem que podem ser capazes de parar a chuva antes que ela comece. Esses casais são espertos porque a prevenção é 3x mais efetiva que a intervenção.

Na maioria das vezes, os casais não são proativos. O casal espera, em média, seis anos até pensar em procurar ajuda com seus problemas conjugais.

Isto pode se dar por conta de alguns equívocos sobre a terapia de casal:

Um estranho vai me dizer o que fazer

Terapia de casal não é como a escola, onde um Psicólogo vai lhe dizer o que fazer. A suposição de que o Psicólogo deseja esse tipo de autoridade pode criar uma postura defensiva e até uma mentalidade rebelde antes mesmo do início da terapia de casal.



Um bom Psicólogo tem objetividade e experiência para ser capaz de fazer desejadas mudanças positivas em seu relacionamento. Eu posso conectar os problemas atuais com seu passado, perceber padrões de comportamento ou de comunicação que são mais difíceis de serem percebidos por você.

Eu ofereço uma visão do seu comportamento e sugiro mudanças possíveis.

A terapia de casal é cara, leva tempo e é difícil de encontrar

Essas são desculpas comuns. Porém, é importante perceber que há uma variedade de maneiras pelas quais um Psicólogo pode trabalhar com um casal.

Enquanto existem Psicólogos de terapia breve e que fazem trabalho a curto prazo, há também Psicólogos que aceitam pacientes que estejam dispostos a trabalhar duro e a fazer mudanças positivas e duradouras no relacionamento.

Se esconder atrás de preocupações como dinheiro, tempo ou disponibilidade pode ser uma armadilha contra mudanças que você tanto deseja.

Algumas pessoas costumam brincar: “As pessoas pagam para falar com você?”

De muitas maneiras essa provocação revela um ponto importante.

Terapia de casal não é apenas sobre as palavras que estão sendo trocadas. Terapia de casal é sobre criar uma dinâmica focada em você e no que você deseja mudar no relacionamento. Para os casais, o papel do Psicólogo é fornecer compaixão e apoio para ambos os parceiros.

Terapia de casal pode fazer você se sentir vulnerável. Porém, um bom terapeuta deve ser capaz de ganhar sua confiança e proporcionar segurança para essa mesma vulnerabilidade. Se você quiser e permitir.

Não quero que alguém conheça nossos negócios

Isto é algo impossível de contornar na terapia de casal.

Se você tem R$ 10.000 em dívidas, tem algum vício, ou foi abusada quando criança, essas são informações importantes para um Psicólogo. Ou o Psicólogo não poderá te ajudar.

Um Psicólogo é um profissional, semelhante a um advogado, cuja permissão para atuar depende do sigilo. Sem mencionar que muitos Psicólogos fazem o que fazem porque tiveram lutas e sofrimentos semelhantes, e sabem o que é estar sozinho na desordem da vida.

Sei que é difícil revelar problemas, erros e decepções. Porém, reconhecer traumas e tentar superar a vergonha é uma grande parte do trabalho terapêutico. E sei também que isso requer coragem, confiança e humildade para ser revelado.

E agora ? Que tal saber um pouco mais sobre a TERAPIA DE CASAL ?

Compartilhe este artigo !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *